7 lendas urbanas japonesas que vão fazer você cagar de medo.

Tudo o que os japoneses desenvolvem tem um toque mais cabuloso, não é mesmo? Quem dirá no cinema japonês quando o assunto é criação de filmes de terror, os caras são uns alucinados loucões que produzem umas paradas piradíssima! Mas muito de suas referências são de lendas urbanas locais.

As lendas urbanas japonesas são muito conhecida e são realmente assustadoras, são casos que ganharam fama por serem divulgadas no boca-a-boca, e, após a revolução digital pelo Google. Elas percorreram décadas sendo espalhadas com pequenas alterações, como diz os mais antigos “quem conta um conto aumenta um ponto”, que realmente é verdade.

A maioria destas lendas urbanas são baseadas em fatos reais, mas acabam sendo fantasiadas ao longo do tempo. Veja as mais bizarras e brisadas:

01 – Kushisake Onna

Uma dica para os brisados que estiverem caminhando pelo Japão, tomem muito cuidado ao andar por uma rua tarde da noite. Você pode cruzar o caminho da Kushisake Onna, cujo nome significa “a mulher com a boca dividida”. E a dica é: não tente correr dela, porque ela pode não gostar muito e se teletransportar para a sua frente. De qualquer forma, você ficará na merda amigo.

Ela aparece usando uma máscara cirúrgica e um casaco e então lhe perguntará: “Eu sou bonita?”. Se você disser não, ela vai cortar sua cabeça com um grande par de tesouras que traz consigo. Se você responder que sim, então ela tira a máscara, revelando sua boca cortada de orelha a orelha. (Como lidar nessa situação? 🙁 )

E então, ela volta a perguntar: “E agora?”. Se a sua resposta mudar e você disser não, ela cortará você pela METADE tiozão 🙁 . E, se responder sim, você ficará igual a ela, pois Kushisake também cortará a sua boca.

Ou seja você tá fudido de qualquer jeito. \o/

02 – A Boneca de Okiku

Esse é um caso fucking real. Okiku era uma pequena garotinha que tinha uma boneca que vestia um quimono, e ela era a inseparável amiga da garota. Porém, certo dia Okiku morreu de frio e seu espírito voltou, possuindo o brinquedo. Agora, o cabelo da boneca de Okiku cresce e ninguém tem uma explicação para isso. Ela está guardada no Templo Mannenji, no Japão.

Antes de ser possuída, a boneca tinha cabelo curto. Porém, com o passar do tempo, ele foi crescendo e agora está comprido. Ninguém sabe como o cabelo continua a crescer, mas estudos científicos concluíram que o cabelo é de uma criança.

Será que são cabelos da Okiku?

03 -Vila Inunaki

Essa é uma vila misteriosa e bizarra, onde você não iria querer gastar sua brisa. Ela se encontra totalmente isolada de outras aldeias japonesas. Até mesmo os japoneses têm dificuldade em encontrá-la. Algumas pessoas que afirmam tê-la encontrado dizem que, já na entrada, existe uma placa que diz: “As leis constituintes do Japão não se aplicam aqui”, ou seja: FUDEU RAPAZIADA!

Segundo relatos, as pessoas que vivem por lá são muito “crazy” das ideias, de uma forma extremamente estranha. Incestos, canibalismos e assassinatos são muito comuns. Por alguma razão, nenhum aparelho eletrônico funciona nessa vila, sem selfie amigos. Há lojas antigas e telefones públicos, mas você não pode chamar ninguém.

Muitas pessoas já foram para esta aldeia, mas ninguém jamais voltou.

04 – Túnel Kiyotaki

Este túnel foi construído em 1927 e dizem que é assombrado pelos trabalhadores que morreram por lá, em condição de escravos, enquanto o construíam. Ele tem 444 metros (sabe-se que o número 4 é amaldiçoado para os orientais, como o número 13 é para os ocidentais), porém, seu tamanho pode variar dependendo se você medi-lo de manhã ou de noite.

Pessoas relatam que fantasmas podem ser vistos neste túnel à noite. Eles podem até mesmo entrar no carro e assustar as pessoas, causando acidentes fatais. Também existe um espelho no túnel e, se você olhar para ele e ver um fantasma, sofrerá uma morte horrível.

05 – O Inferno de Tomino

“O Inferno de Tomino” (ou “Tomino’s Hell”) é um poema escrito por Yoomta Inuhiko e está em um livro chamado “The Heart Is Like A Rolling Stone”. Também foi incluído na 27º coletânea de poemas de Saizo Yaso, em 1919. Ele conta a história de Tomino, que morre e vai diretamente para o inferno.

Porém, ele é um poema maldito que mata, sem dó nem piedade, todas as pessoas que o leem em voz alta. Se você tiver muita sorte, você pode não morrer, mas, com certeza, muitas coisas ruins vão acontecer na sua vida.

Ou seja você estará fudido de qualquer jeito, wue!

06 – Teke Teke

Teke teke teke seria o som que a criatura faz quando anda (com o seu cotovelo). Ela era uma bela jovem que caiu (ou se jogou, existem várias versões) nos trilhos do metrô. Ela foi cortada ao meio por um trem, mas sua raiva e rancor foram tão intensos que seu torso continua a procurar vingança! Fudeu!
Apesar da falta de suas pernas, ela pode se mover muito rápido, e se você não for ligeiro parceiro, pode ser capturado por ela, Teke Teke o cortará ao meio com uma foice que ela carrega!

Então, corre parceiro!

07 – Cabeça de Vaca

Certo dia, durante uma excursão escolar, já dentro do ônibus de viagem, um professor locão das ideias começou a contar histórias de terror para entreter os seus alunos, ou fuder a cabeça da mulecada melhor dizendo. Todos ouviam atentamente, sem interromper o filho da mãe. Porém, quando ele começou a contar uma história chamada “Cabeça de Vaca”, os estudantes começaram a gritar, implorando para que o professor parasse.

Porém, o professor estava em uma espécie de transe louco e não conseguia parar de contar a história. Quando ele voltou a si, tanto o motorista do ônibus como todos os alunos desmaiaram e espumavam pela boca. Não se sabe o conteúdo dessa história, mas alguns alunos não conseguiam parar de suar e ter calafrios e morreram alguns dias depois.

Trash o role dos menino. o_o

E você? Conhece alguma lenda urbana japonesa assustadora e muita brisa? Então comenta aí!

Fonte: Fatos Desconhecidos e Mega Curioso

Comments

comments

Comentários no Facebook