Abyzou: O Demônio Feminino que Atormenta e Tortura a Vida das Mulheres

Abyzou é um demônio muito conhecido. Mas provavelmente lúcifer será a primeira coisa que você vai pensar quando alguém te perguntar sobre demônios. Pelo menos, é o que vem na cabeça da maioria das pessoas. Samael, Abaddon, Agares, Cain e Gamigin são outros nomes de demônios que podemos citar e que deixam qualquer um com o cu na mão.

Mas, vocês já perceberam que todos eles são demônios masculinos?

Viemos aqui te dar um soco na cara! Queremos te apresentar a Abyzou, de acordo com mitos e folclores do Oriente Médio e Europa, era um demônio feminino e muita treta. Pelo fato de ser infértil, era tomado pela inveja e rancor. E qual seria a melhor maneira de se vingar? Pois bem, essa e outras curiosidades sobre esse demônio nós vamos mostrar para vocês no conteúdo dessa matéria muita brisa.

 

Quem é o demônio assustador e bizarro que atormenta as mulheres?

Abyzou não podia ter filhos, esse demônio causa abortos em mulheres como forma de vingança. Caso ela não conseguisse, ela tentava matar os bebês depois do nascimento. Antigamente, a melhor forma de tentar livrar uma mulher e seu bebê de Abyzou era usar um amuleto com o nome do diabo. Assim acreditava-se que o perigo era afastado.

No livro apócrifo “Testamento de Salomão”, diz que esse demônio tem um “rosto esverdeado reluzente com um desgrenhado cabelo de serpente”. Seu corpo é completamente coberto pela escuridão. Dizem que Abyzou viaja o mundo e fica em vigília perpétua à procura de mulheres no processo de parto para matar os recém-nascidos. Ela também é culpada por causar dores corporais, surdez, infecções na garganta e olhos e até loucura. Realmente, bizarro, não é mesmo?

Origem desse nome esquisito

O nome mais comum realmente é Abyzou, mas também podemos encontrar outros nomes referentes ao mesmo demônio. Na tradição judaica ela é conhecida como Lilith, no Egito como Alabasandria e na cultura bizantina como Gylou.

O nome Abyzou parece estar relacionado ao “mar primitivo”, do qual os mitos sumérios falam. Assim como vários outros demônios, ela teria saído das profundezas. Abyzou também poderia ser uma junção da palavra grega “abyssos” (abismo), que viria do conceito mesopotâmico “Abzu”, um mar caótico e escuro que existia antes da criação. Então, esse demônio teria saído do mar, do poço profundo do inferno, pronto para fazer o mal.

Para controlar Abyzou, segundo o livro de Salomão, era preciso pedir para os arcanjos Raphael e Miguel, e assim as pessoas ficam protegidas desse demônio. Basta escrever o nome de Raphael em um pedaço de papiro quando uma mulher entrar em trabalho de parto.

Outras tradições mostram Abyzou ajoelhado (foto acima), com as mãos amarradas para trás, submetida ao poder do arcanjo Miguel. Uma lenda diz que foi o arcanjo Miguel quem conseguiu capturá-la e força-lá a confessar todos os seus nomes, e só assim ela pode ser derrotada.

Leia também: Pacto com o demônio: 10 músicos famosos que foram acusados de vender a alma para Lucifer.

Fonte: (1) e (2).

Comments

comments