9 BRINCADEIRAS ESCROTAS PRA CARALHO QUE ACABARAM EM MORTE

Você provavelmente tem um amigo que adora fazer brincadeiras estúpidas que muitas vezes machucam de verdade. Pode até parecer que não, mas muitas dessas brincadeiras escrotas já levaram pessoas a morte. Confira 9 situações envolvendo brincadeiras escrotas que fudeu com a vida de algumas pessoas:

1) Fatalidade no Halloween

Em 2014, um grupo tacava ovos, maionese e papel higiênico num carro como vingança de um trote que um deles havia sofrido, até que um homem de 48 anos de idade saiu de casa com uma arma na mão e atirou na direção dos adolescentes enquanto eles entravam no carro deles e fugiam. Adrian Broadway, de 15 anos de idade, foi baleada e faleceu, e o atirador foi sentenciado a 30 anos de prisão

2) Susto letal

Um simples susto se tornou uma fatalidade quando Premila Lal, uma jovem de 18 anos de idade, se escondeu no closet pra pregar uma peça nos amigos, até que um deles, Nerrek Galley, suspeitou que havia um invasor na casa e foi investigar. Quando a menina pulou do armário, ele disparou no susto e ela veio a falecer uma hora depois. Como o rapaz tentou salvá-la levando-a ao hospital e colaborou com as autoridades, foi inocentado por ser um portador de arma licenciado e porque a família sabia que ele estava armado dentro da casa.

3) Caça ao pé grande

Fantasiar-se de Sasquatch pra dar sustos nos outros é obviamente uma ideia estúpida, mas infelizmente essa brincadeira custou a vida de Randy Lee Tenley, de 44 anos de idade, que gostava de vagar pela estrada vestindo uma camuflagem militar pra confundir os viajantes, até que foi atropelado por um adolescente. Como se não bastasse, um segundo carro o atropelou de novo, encerrando sua vida.

4) Placa adulterada

stop

Uma placa de tráfego se tornou o local de um acidente horrível quando dois idiotas, Seth Stonerock e Derek Greenlee, decidiram cobri-la com plástico e vaselina e ainda riram da brilhante ideia no Facebook. Duas idosas, Mary Spangler e Jeanne Shea, se perderam na estrada e foram atingidas por outro carro, falecendo na hora. Stonerock foi sentenciado a 4 anos de prisão, enquanto Greenlee foi solto por colaborar com a investigação e declarar que tentou fazer seu amigo desistir do trote antes que um acidente acontecesse.

5) Tocar a campainha e correr

campainha

Tocar a campainha e correr é uma brincadeira tão inofensiva que poucos pais realmente brigam com seus filhos quando descobrem esse tipo de travessura. Tragicamente, Mark Drewes levou um tiro enquanto corria da casa de Jay Levin, que argumentou que pensou que o garoto fosse um intruso armado. Levin ficou preso por 52 semanas e teve que pagar 750 mil dólares à família do rapaz.

6) Ataque cardíaco em serviço

Falando em brincadeiras inofensivas, um grupo de cinco estudantes invadiu o colégio pra roubar o carro de golfe pra passear pelo campus de madrugada. Eles foram pegos no flagra e perseguidos a pé pelo sargento Daniel Paul Figgins, que sofreu um ataque cardíaco e morreu depois que chegou no hospital.

7) Cuecão assassino

Quem nunca puxou a cueca de um amigo? Nada de estranho certo? Certo, exceto quando Brad Lee Davis, de 33 anos, discutiu com seu padrasto, Denver St. Clair, de 58 anos, os dois brigaram e Davis puxou a cueca do outro homem até prendê-la em seu rosto, que torceu o pescoço do senhor e o asfixiou. Davis alego autodefesa, mas acabou sentenciado por 30 anos na cadeia.

8) Policial ensandecido

viatura

Numa outra fatalidade envolvendo roupas íntimas, um grupo de adolescentes achou que seria engraçado jogar suas cuecas molhadas numa viatura da polícia depois de um mergulho noturno. Infelizmente, o policial perdeu a cabeça, perseguiu os garotos e usou seu spray de pimenta, cassetete e deu dois disparos em Timonthy Hill, que faleceu pelos ferimentos.

9) Trote humilhante

Em 2012, a gravidez da duquesa Kate Middleton foi um espetáculo internacional e dois apresentadores de rádio australianos, Mel Greig e Mike Christian, ligaram pro hospital enquanto Kate estava internada e fingiram ser a Rainha da Inglaterra pra conseguir informações. A enfermeira que os atendeu, Jacintha Saldanha, se sentiu tão humilhada por ter caído na brincadeira, que se enforcou dentro do hospital.

 

Se você tem um amigo que adora fazer brincadeiras escrotas como essas, mostra esse post pra ele e oremos para que ele se toque, né?

Leia também: Annabelle: a história real por trás da boneca mais sinistra e cuzona do planeta terra.

Fonte: Acredite ou Não.

Comments

comments

Comentários no Facebook